10 abril, 2009

não suporto estes sublimes episódios de passividade. o que é que se passa aqui, afinal? a minha geração protege-se neste escudo meio ferrugento do qual faz parte a tese de que somos fruto do meio. mas que meio é este que vos impinge tal coreografia? tal destreza de carácter? o quão grande foi o sacrifício que colocou por fim a palavra liberdade nos vossos dicionários e vós, vós reagis como meros saloios! continuais a professar a mediocridade cultural, o afundar da arte e o prevalecer da vitória da ignorância sob todos os valores! acordai, por amor a este Portugal, acordai dessa bebedeira crónica! substitui o rosa das revistas pelo vermelho das revoluções que por este cantinho à beira mar plantado operaram. fazei da boémia uns copos de vinho tinto bem à moda lusitana, uma conversa sobre política e música e tratai-vos, entre vós, por vossa excelência. e porque não? porque não fazer ressuscitar uma elegância e um iconformismo social já há tanto perdidos?

23 comentários:

Aubergine. disse...

"porque não fazer ressuscitar uma elegância e um iconformismo social já há tanto perdidos?"

Porque para isso é preciso suor e dedicaçao e é sempre mais facil dizer que Portugal nao vale nada, que esta adormecido no tempo, pois mas assim nao vamos la de certeza!

Beijinho e grande texto :D*

~ Jessica disse...

Divinal...

É tão mais fácil aconchegarmo-nos no canto, ditar umas palavras ocas e ser cobarde.

Enfim, "gente pouca, pouca e seca!"

Texto magnífico :)
Parabéns *
(Vou seguir)

Celinha 007 =) disse...

Vamos fazer uma revolução em Coimbra :P *

Davi(d) disse...

repito o que me disseste: é da geração!

~ Jessica disse...

Obrigada pela confiança e coragem que me transmitiste *
Espero não desiludir (:

Um beijinho .

Pet disse...

obrigado pela visita David, também aqui tens um óptimo espaço, vou passar a fazer o mesmo ;

Margarida C' disse...

Obrigada pelo comentario, gosto muito dos teus textos.

beijinhos

coloredleaves» disse...

Deliciosas palavras David, acho que de caminho fartas-te de leres sempre que os teus textos são divinais, mais é a verdade e não me canso de o dizer. Este texto acho que dá pano para mangas como os populares dizem,na minha opinião, acho que Portugal deve de mudar em tudo mas principalmente na mentalidade esse é o grande factor para todos os outros. Portugal neste momento tem uma mentalidade doente e nem os mais famosos psiquiatras conseguem melhor, pois já vem das origens lusitanas.
Parabénnns David, deixas-me sempre a pensar.
Beijinho*

Ana Moreira disse...

"Senhor, falta cumprir-se Portugal"
Genial!

Afonso disse...

"O império do mar, antearremedo do que há-de vir, dá lugar a um ciclo de desintegração que abrirá caminho ao Encoberto, ao messias que fará cumprir-se Portugal" - a mensagem, Fernando Pessoa. :D

A mentalidade do povo português sempre foi assim. O problema é que, se antes tínhamos tudo, agora não temos nada. E assim ficamos...

sam disse...

A culpa é da geração que se está a tornar uma geração de saloios que se conformam com tudo. enfim...gostei do teu texto =)

e obrigadooo david xD

Silvana disse...

esta geração...várias vezes dou por mim a pensar o mesmo que tu.
ouço e vejo cada coisa que me dá vontade de gritar..."onde andam os camões e os fernandos pessoa??"

que geração esta...decadente...mas o que vale é que ainda existem jovens como tu...que notam e vêem que assim não se vai a lado nenhum, e ainda bem.

adorei, amei...fantástico ^^

Mara disse...

Sim, tens razão, 7 minutos e meio não é nada, mas nem sempre podemos ficar mais tempo.

Obrigada, acho que só consigo escrever verdadeiramente bem sobre amor.

beijinhu

Silvana disse...

Obrigadissima, e ainda bem que gostas-te ^^

um beijinho.

Martina S' disse...

Olá =)

Tenho que informar que o meu blog (Snoopy eats cheese) está apenas disponível para autores convidados. Se quiseres continuar a segui-lo vai a este link (http://yeacklimon.blogspot.com/) e deixa o teu mail como comentário para eu te adicionar no Snoopy. Eu não publico o mail, fica descansado :) É apenas para conseguires seguir e ler o blog. Obrigada e desculpa pelo trabalho :$
Tive que mete-lo mesmo como "privado" :$

Beijinhos**

Martina S' disse...

*Leitores convidados

aniratac disse...

Concordo com tudo. Mas esta geração é apenas o reflexo da geração passada que se desinteressou de tudo por achar que LIBERDADE significa poder fazer tudo ou nada... Já é tempo de mudarmos!

coloredleaves» disse...

Obrigadaa!
Os textos mais bonitos na minha opinião, são aqueles que abranje sentimentos como o amor e a felicidade. Confesso que sou romantica, prontos :D
Beijinho*

aniratac disse...

Sim, tens toda a razão, mas temos de admitir que o que está a acontecer agora é o resultado de diversos factores... apesar de concordar inteiramente contigo :)
é sempre bom visitar blogs com textos tão interessantes e bem escritos (outra escassez).

Rita disse...

que bom que é ler exactamente o que pensamos. estás correctíssimo, já não temos a alma verdadeira do nosso bocadinho verde da peninsula. neste momento, estamos debaixo de tanta areia, que para voltar a emergir, teremos todos que fazer um esforço.

Beijo

Pedro Antônio disse...

Ei, David!

É tudo uma questão de coragem, de agir!

Brilhante texto! Sempre gosto das suas palavras. Elas possuem um certo requinte que não sei explicar!

Abração. Te espero por lá.

Pedro Antônio

Davi(d) disse...

ok <3

Mara disse...

Sublime. Uma grande chamada de atenção!
É reconfortante ver um jovem como tu defender ideias como estas.
Gostei muito.
beijinhu