25 julho, 2009

hoje vou deitar-me nua na cama, vou adormecer com o lençol a roçar-me a pele oleosa e imunda com a esperança que entres por essa porta que nunca tranco e me raptes para o teu leito profano. quero ser atirada ao encontro dessas tuas ferocidades, dessas violências, desses rasgões da carne, dessas frialdades do prazer! quero deixar-te abalado, pisado, deslocado, algures entre a minha libido e a tua...então vem o tédio, o meu corpo nu, gelado e, novamente pesado, cai sob a colcha e os teus braços morrem em cima do meu peito duro e feio. volta a insatisfação, regressam as questões agora atiradas aos teus ouvidos entre um cheiro insuportável a orgasmos e um cigarro apagado. sabes, nunca percebi porque me incentivaram a estudar tanto, a ser dona de uma tão grande bagagem intelectual, se no fundo este é o único sentimento vivo que a minha alma alberga.

12 comentários:

Catarina disse...

'o único sentimento vivo que a minha alma alberga.'
Divinal, parabéns.

Laranjinha disse...

Mas há de ser sempre um sentimento insatisfeito... Porque há de querer sempre mais. =)

http://escritoemlaranja.blogspot.com

Filipa disse...

"O desejo comanda a vida".
Parabéns pelo Blog. Beijinhos

Qel disse...

no final de te ler, nem sei como tenho a ousadia de te comentar, sinto sempre que não tenho estofo para estes teus textos.
Parabéns! *

Poppins disse...

Wow. Escreve um livro!

Ana Moreira disse...

Todas as saudações do mundo não chegavam para explicar a profunda admiração que por ti tenho. Nem tenho palavras, és irreal. Adoro-te

Silvana disse...

Este texto està para alèm do divino!!

nem sei explicar...adorei mesmo!

bem, obrigada.
pois, è verdade agora tenho imensas coisas para fazer nas ferias atè me cansar ! ahah

beijinhos e boas feerias ^^

Celinha 007 =) disse...

O clímax invertido deste texto é sem dúvida fantástico. Adorei e vou rete-lo para um dia... Pode ser que me ajude a explicar-me :D * Muah1

Purple disse...

E a insatisfação acabe sempre por voltar porque a carne satisfeita não satisfaz a alma.

Joana Éme. disse...

Este está arte, literal.

Cátia'P disse...

O desejo de ser de alguém pode muitas vezs ser o sentimento qe comada a nossa vida.
Impossivel de não comentar :')

ph disse...

Muito bom